Como saber se estou em um relacionamento abusivo

Como saber se estou em um relacionamento abusivo

Nem sempre é fácil constatar que você está em um relacionamento abusivo. Pode ser que você ache certas atitudes do seu parceiro “parte do relacionamento” ou “reflexo do temperamento dele”, mas não é bem assim. Além disso, o abuso pode não ser físico, mas psicológico e bastante velado, porém, está lá se você abrir bem os olhos e começar a reparar.

Em primeiro lugar, se você tem alguma suspeita de que está em um relacionamento abusivo comece a reparar em tudo. Confira alguns sinais que representam isso:

“Ele não leva em conta o que eu digo, me faz parecer louca ou burra”

Isso é um claro sintoma de relação abusiva. O seu parceiro faz você parecer boba, não leva em consideração nada do que você diz ou ignora as suas opiniões. Faz com que você se sinta sempre errada quando argumenta, independente do tema da conversa. Isso ocorre de maneira sutil fazendo com que você fique em dúvida de que ele realmente está te colocando para baixo.

“Ele não gosta das minhas amizades ou que converse com alguém longe dele”

Mais um claro sintoma de relação abusiva. O seu parceiro fica descontente ao ver ou saber que conversou com alguém (principalmente do sexo oposto) sem a presença dele. Questiona as duas amizades, sempre coloca defeito nelas e não quer que você as veja com frequência.

“Ele grita e se exalta constantemente”

Qualquer situação é motivo para responder com agressividade e com gritos. Não é necessário estar em uma briga para que ele se comporte dessa maneira.  Além disso, ele sempre faz com que você se sinta errada em tudo o que diz e faz.

“Ele controla tudo o que faço”

Ele quer que controle suas roupas, sua maquiagem, suas atitudes. Acha que pode “mandar” em você e sente ciúmes fora do normal.

“Ele não aceita o meu não e me obriga a fazer o que não quero”

Principalmente na hora do sexo ele insiste até que consiga o que quer, seja o sexo propriamente dito, ou qualquer outra prática que não te agrade. Diz que você tem obrigação em satisfazê-lo (seja nas entrelinhas ou com todas as letras) e não se preocupa com o seu prazer.

“Ele já me agrediu fisicamente de alguma maneira”

Seja um puxão, um empurrão, segurar o seu pulso de forma agressiva, não importa. Todas essas ações são de agressão.

Em todos esses casos você está sim sofrendo um relacionamento abusivo. Saia dessa e parta para outra! Você não merece uma relação assim e sentirá muito mais feliz sozinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *