Amizade-colorida-4

5 dicas para ter uma amizade colorida sem complicações

Transar sempre que der vontade, com alguém que você gosta e tem intimidade, mas sem compromissos, responsabilidades e estresse. Seria esse o relacionamento perfeito?

Na teoria, a amizade colorida é exatamente isso! O problema é que, na prática, as coisas costumam ficar um pouquinho mais complicadas…

Confira 5 dicas para conseguir ter uma amizade colorida sem se magoar ou magoar o outro! 

1 – Pense bem antes

Para começar qualquer tipo de relação, devemos refletir se estamos preparados para isso. Por mais que a amizade colorida não demande tantas responsabilidades quanto um relacionamento monogâmico, duas pessoas vão fazer parte desta relação; vocês podem ter experiências e pensamentos muito diferentes, o que pode ocasionar discussões e tornar algo que deveria ser leve em uma convivência estressante. Analise também se você está pronto para uma relação assim, se o que você quer mesmo é apenas sexo, e não um namoro.

2 – Escolha a pessoa certa

Nós temos vários tipos de amigos: os que mandamos mensagens todo dia, os que vemos apenas umas duas vezes por ano, os que não saem da nossa casa e chamam nossa mãe de “tia”, etc. A escolha do amigo certo para começar uma amizade colorida é importantíssima, a pessoa precisa estar na “mesma onda” que você, ou seja, querer o mesmo tipo de relacionamento e concordar com as regras que serão estipuladas para a relação dar certo. Também é aconselhável que seja aquele amigo pelo qual você tem ou já teve uma quedinha, não dá para ter uma amizade colorida com quem você considera um irmão, né?

3 – Não se apegue tanto

Essa talvez seja a dica mais importante. Muitas amizades coloridas acabam porque uma das partes se apaixonou pela a outra. Se desde o começo vocês definiram que seria só sexo, sem compromissos e envolvimento amoroso, siga o plano! Claro, nós somos humanos e não controlamos por quem vamos nos apaixonar, mas se você perceber que tem grandes possibilidades de querer algo a mais com o seu amigo colorido, fique alerta. Talvez seja melhor manter a relação apenas como uma amizade, desta forma ninguém se magoa.

4 – Não deixe as coisas implícitas

Assim como em um relacionamento aberto, a amizade colorida precisa de regras. Os envolvidos devem escolher as suas próprias formas de manter o relacionamento, mas é crucial que existam esses preceitos para que não aconteça de alguém achar que está sendo iludido. Deixem claro que vocês não estão namorando e que cobranças não devem ocorrer, além do fato de que vocês poderem sair com outras pessoas e que não vão se ver com tanta frequência. É importante também estabelecer que, caso um dos dois comece a se apegar muito, a relação deve acabar.

5 – Sejam casuais

As amizades coloridas são para sexo! Porém, isso não quer dizer que vocês não possam sair, apenas tenham em mente que alguns lugares são mais para casais do que para amigos que transam. Convidar a pessoa para ir ao cinema todo fim de semana, ao mercado ou a uma festa de família pode confundir as coisas.

E você, tem um(a) amigo(a) colorido(a)? Que tal trazer ele(a) para aproveitar as suítes incríveis do Acqua Motel? Vocês não vão se arrepender!

 

banner_cta_ebook_relacionamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *